Living Together - Brandon Labelle em Curitiba

 

Artista de renome internacional em arte sonora e site-specific, Brandon Labelle é autor de livros e antologias sobre arte contemporânea que se tornaram referência em circuitos autônomos de arte, ações interdisciplinares em intervencionismo urbano, arquitetura, radioarte e site-specific, sendo também editor da Errantbodies Press. Atualmente reside em Berlim e é Professor na Bergen Academy of Art and Design, da Noruega.

Brandon Labelle tem uma relação especial com Curitiba e já esteve na cidade diversas vezes. A primeira delas como professor na Oficina de Música de 1995 a convite do músico e compositor Chico Mello, na época curador do núcleo de música contemporânea. Ao longo dos últimos anos, Labelle realizou três exposições na Galeria Ybakatu, Proposta ao Prefeito I,  Proposta ao Prefeito II e Surface Tension/Curitiba, tendo publicado trabalhos de artistas da cidade como Octavio Camargo, Glerm Soares, Margit Leisner, Débora Santiago, Newton Goto e Alex Cabral, dentre outros. 

Uma de suas inciativas em Curitiba resultou na publicação do terceiro suplemento da antologia Surface Tension intitulado Manual para a construção de um carrinho como dispositivo para elaboração de conexões sociais. A exposição realizada na Galeria Ybakatu teve como foco a coleta de lixo e materiais recicláveis na cidade através do trabalho informal dos catadores de papel. Esta publicação reuniu colaborações de artistas de Curitiba e do Rio de Janeiro oriundos de fluxos autônomos de arte como Museu do Poste, Orquestra Organismo, EPA E/OU e Poéticas experimentais da voz, além de textos e reflexões sobre o tema de artistas de outros países.

Brandon Labelle estará conversando com artistas de Curitiba na Galeria Farol Arte e Ação nesta sexta feira, dia 22, às 18h. O encontro integra a ação Living Together, proposta por Labelle que terá como base a sede da Cia Iliadahomero de Teatro, no Alto da XV, residência de Octavio Camargo e Chiris Gomes, com extensões na Galeria Farol Arte e Ação em parceria com a Galeria Ybakatu, e na Casa do Morro do Canal, em Piraquara por iniciativa de Cleverson Oliveira.

* Com entrada franca a iniciativa se articula no repertório 2016 do Ecossistema Bicicletaria Cultural / Farol Arte e Ação / Mago Jardineiro / CicloIguaçu *** - maiores informações no local.

 

Proposta ao Prefeito I: Transporte e Reciclagem

Curitiba, 2003

http://www.brandonlabelle.net/proposal_one.html

O projeto tem como base dois aspectos da cidade de Curitiba , Brasil, que contribuem para a infraestrutura da cidade bem como refletem uma fantasia (imaginário) de como a cidade deveria ser: os sistemas de transporte e as práticas de reciclagem constituem políticas com duplo propósito ao promover um novo planejamento urbano bem como imagens de Curitiba como uma cidade “progressista”. Colocando estas duas ambições em paralelo, a exposição consiste em dois projetos de instalação: um que propõe um suplemento aos pontos de ônibus existentes na cidade e outro que propõe uma instalação pública permanente utilizando som e material bruto. Os projetos adotam o transporte e a reciclagem como posição para analisar a cidade propondo ao prefeito projetos de cidade que pensem espaços sonoros no ambiente urbano.

 

Counterparts (Manual for the construction of a cart as a device to elaborate social connection)

Curitiba, 2006

A proposta ganhou forma em relação ao programa de reciclagem urbana de Curitiba e especificamente em relação aos coletores “não-oficiais” de lixo que vivem em comunidades da periferia em função de uma economia informal. Ao pesquisar estas comunidades e a cultura do lixo e da reciclagem, o trabalho funcionou como um ato de duplicação. Isso envolveu a construção de um carrinho similar ao que é usado pelos coletores “não-oficiais”(catadores) e a circulação pela cidade para coletar madeira descartada.

O carrinho foi construido em colaboração com um artesão local e teve como objetivo intervir nesse circuito de coleta de lixo que vem a normalizar o trabalho barato - e em parte forçado – de uma comunidade empobrecida. O carrinho funcionou literalmente como veículo para criar interações e depois foi exibido em uma galeria local junto com outros trabalhos e artefatos tais como uma mesa que foi construída com a madeira coletada e utilizada para refeições servidas durante a exposição. 


Projeto realizado em colaboração com Glerm Soares, Ken Ehrlich & Octavio Camargo.

Exposição Galeria Ybakatu, Curitiba, Brazil

 

Proposta ao Prefeito II

Curitiba, 2009

Um objeto sonoro móvel é construído para a apresentação de uma “Exposição de Frequência”: uma coleção de trabalhos experimentais em áudio de diversos artistas e compositores desde os anos 50 até o presente. O objeto funciona como um museu móvel de arte sonora circulando pela cidade de Curitiba. Construído em madeira e  incluindo auto falantes e um sistema de playback, o museu funciona como uma coleção móvel situando sonoridades no espaço urbano, abrindo a cidade para os sentidos do som/para o significado das sonoridades.

A exposição móvel é proposta como um uma adição permanente à rede de museus na cidade de Curitiba.

Exibida na Galeria Ybakatu.

 

Links relacionados

 http://www.errantbodies.org/press.html

http://www.errantbodies.org/ebpublications.html

http://www.brandonlabelle.net/proposal_one.html

http://www.brandonlabelle.net/proposal_two.html

http://www.gilsoncamargo.com.br/blog/pe-com-cabeca-octavio-camargo-curitiba-1995/

http://www.brandonlabelle.net/proposal_one.html

http://www.brandonlabelle.net/proposal_two.html

 

http://www.errantbodies.org/stsupplement.3.html

Manual for the construction of a cart as a device to elaborate social connection

Edited by Octávio Camargo & Brandon LaBelle.

Surface Tension Supplement No. 3

72 pages (english/portuguese)

ISBN: 978-0-9772594-7-2

With contributions by Ricardo Basbaum, Alex Cabral, Octávio Camargo, Ken Ehrlich, Jennifer Gabrys, Brandon LaBelle, Margit Leisner, Josina Melo, Rubens Pileggi, and Ines Schaber.

 

Biografia do artista (inglês)

Brandon LaBelle is an artist, writer and theorist working with questions of social life and cultural agency, using sound, performance, text and sited constructions. He develops and presents artistic projects and performances within a range of international contexts, often working in public. This leads to interventions and performative installations, archival work, and micro-actions aimed at the sphere of the (un)common and the unlikely. He is also an active lecturer working with institutions around the world addressing questions of auditory culture, sonic and spatial arts, experimental media practices and the voice. Current research projects focus on voicing and choreographies of the mouth, sonic materiality and auditory knowledge, and the aesthetics and politics of invisibility.

 His work has been presented at the South London Gallery (2016), Tel Aviv University Art Gallery (2015), Marrakech Biennial (parallel project), 2014, General Public, Berlin (2013), The Whitney Museum, NY (2012), Image Music Text, London (2011), Sonic Acts, Amsterdam (2010), A/V Festival, Newcastle (2008, 2010), Tramway, Glasgow (2010), Museums Quartier/Tonspur, Vienna (2009), 7th Bienal do Mercosul, Porto Allegro (2009), Center for Cultural Decontamination, Belgrade (2009), Casa Vecina, Mexico City (2008), Fear of the Known, Cape Town (2008), Netherlands Media Art Institute, Amsterdam (2003, 2007), Ybakatu Gallery, Curitiba, Brazil (2003, 2006, 2009), Singuhr Gallery, Berlin (2004), and ICC, Tokyo (2000).

 Also a prolific writer, he is the author of Lexicon of the Mouth: Poetics and Politics of Voice and the Oral Imaginary (2014), Diary of an Imaginary Egyptian (2012), Acoustic Territories: Sound Culture and Everyday Life (2010), and Background Noise: Perspectives on Sound Art (2015; 2006). Through his work with Errant Bodies Press he has co-edited the anthologies Site of Sound: Of Architecture and the Ear Volumes 1 & 2 (1999, 2011), Writing Aloud: The Sonics of Language (2001), Surface Tension: Problematics of Site (2003) and Radio Territories (2007), along with a series of monographs (Critical Ear series) on sound and media artists.

He has various audio releases on international experimental music labels, and regularly produces works for radio, notably for Kunstradio in Vienna (1999, 2001, 2007, 2009) and Deutschland Radio (2009). He received a Masters degree from Cal Arts, Los Angeles in 1998, and completed his PhD at the London Consortium in 2005. Following his doctoral work he undertook post-doctoral research at the University of Copenhagen from 2006 to 2009, in Modern Culture and Sound Studies. In 2008-09 he worked as Guest Professor at the Copenhagen Art Academy and at the Free University in Berlin, holding seminars on acoustic territories, spatial practice and the male voice. He lives in Berlin and is Professor at the Bergen Academy of Art and Design, Norway.

Histórico coo_zine