Coletivo Kókir na HMK

 

Notes from a trembling community in a wilful state of flux //

 

Notas de uma comunidade trêmula em estado voluntário de fluxo

 

 


Inspirando-se nos escritos do poeta e filósofo Édouard Glissant (1928-2011) Notas de uma comunidade trêmula em um estado voluntário de fluxo focaliza o movimento e a multiplicidade da linguagem, da identidade cultural e da produção de conhecimento.

Com o seu livro Poetics of Relation (1990), Glissant oferece-nos uma ferramenta para reimaginar as questões mais pertinentes do nosso tempo. "Em vez de lugares fixos de origem, ele oferece locais de conectividade, onde várias histórias e modos de ser podem coexistir. Em vez de raízes, ele oferece o processo dinâmico de crioulização, uma poética definida por sua abertura à transformação. Em vez de um mundo de nações, ele oferece o arquipélago, uma imagem do mundo em que estamos todos conectados, permanecendo distintos. ”[1] Um dos princípios norteadores no pensamento de Glissant, assim como esta exposição, é o conceito de opacidade (opacité). A opacidade, ao contrário da transparência, acolhe o intraduzível e incognoscível. Glissant reivindica um "direito à opacidade" e convida as pessoas a aceitar o que elas não entendem.

Notas de uma comunidade trêmula ... experimenta com diferentes modos de relação e produção através do trabalho colaborativo reimaginando o processo de criação de exposições. O ponto de partida para o projeto é uma casa residencial em Berlim, onde um grupo flutuante de artistas, cientistas sociais, crianças, músicos, curadores, trabalhadores e pensadores se reuniram em julho passado. Aqui, partindo do princípio organizador de uma refeição diária em conjunto, inauguraram um processo de pesquisa sobre as fronteiras poéticas, distinguindo-as e conectando-as. Desde então, o convite para contribuir foi aberto a uma rede mais ampla de amigos e pessoas afins em todo o mundo.

A instalação na HMK não é pensada como a fase final do projeto, mas como outra fase de um diálogo mais longo, usando as ideias de Glissant como metodologia e praxis, conectando múltiplas vozes, mantendo suas características distintivas. Notas de uma comunidade trêmula ... é concebida como um arquipélago de quatro dimensões, dando ao público a possibilidade de desenhar suas próprias linhas para este projeto em andamento através de trabalhos em andamento, som, vídeo, performance, imagens e idéias.

A exposição integra o programa atual da HMK: UNDERCURRENTS

Exposição de 7 de Setembro a 20 de Outubro 2018

Com: Tomás Bartoletti, Oliver Bulas, Season Butler, Coletivo Kókir, Maurits Koster, Judith Lavagna, David Magnus, Mahony, Gerald Mandl, Luz Peuscovich, Pablo Pijnappel, Esper Postma, Aiko Tezuka, Leo Zhao

 

Hotel Maria Kapel (HMK)
Korte Achterstraat 2a
1621 GA Hoorn
The Netherlands
www.hotelmariakapel.nl
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

 

 

Histórico coo_zine